Arquivo da tag: mudança

Sobre querer mudar

Quem nesse mundo não quer mudar? Eu quero acordar cedo e disposta (em vez de cedo e com preguiça), ler livros do começo ao fim sem flertar com outros títulos, cozinhar pratos deliciosos e nutritivos para a minha filha todos os dias, ir às aulas de pilates como uma beata vai à igreja, acampar, fazer trekking, levar a Alis ao parque uma vez por semana (pelo menos), comer mais frutas, cortar o doce da alimentação (ou pelo menos diminuir drásticamente), meditar, nunca ceder às tentações da fofoca, caminhar mais, subir escadas em vez de usar o elevador… por favor, alguém me passa uma receita de como fazer isso tudo dar certo? Caro(a) leitor(a), atente para o fato de que eu faço a pergunta e eu mesma dou uma resposta logo abaixo… A impressão que eu tenho é que era mais fácil mudar antes, quando eu era mais nova. Acho que vamos criando raízes com os nossos hábitos e parece mais difícil mudar do que realmente é. Li um dia desses em um blog sobre hábitos zen que, para mudar, temos que começar com metas bem fáceis, como passar o fio dental em um dente se você não tem o hábito de passar fio dental diariamente (esse hábito eu tenho, ainda bem). Mas fez sentido, sabe? Quando eu decidi começar a fazer abdominais em casa, defini uma meta de 100 por dia, começando com 100. Eu estava destinada ao fracasso, claro, mas vou tentar começar hoje com 10 abdominais e aumentar progressivamente. O importante, diz o autor do blog, é estabelecer metas que você teria vergonha de não cumprir de tão fáceis que são. Tenho pensado bastante sobre isso e vou começar um hábito por vez, até que ele crie raízes no meu dia-a-dia e só depois vou começar um hábito novo.

Espero que funcione, vamos acompanhar…!

Deixe um comentário

Arquivado em Vida de mãe

Oi?

Leitores e leitoras,

Não sou muito de festas de ano novo, até prefiro ficar em casa assistindo a um filme e, quem sabe, vendo os fogos de longe (não sou especialmente fã de fogos não…) e tal. Mas eu curto a história do ano novo como um recomeço, como uma chance de organizar a vida, pesar o que aconteceu de bom e ruim no ano que passou e prospectar para o resto da vida. Curti muito ter começado este blog, acho que é um blog com um “tema”, e um tema que me dá muito trabalho, amor e certamente me ensina diversas coisas todo santo dia. 2012, fazendo o tal balanço, foi um ano bem interessante. A Alis nasceu, voltei pra casa depois de uma loooonga reforma de 10 meses, voltei a trabalhar depois da licença, saí do meu emprego para me aventurar como autônoma e poder ter mais tempo para a Alis e meu pai faleceu. Foi um ano intenso. Tenho uma certeza interna de que 2013 será pretty awesome, agora basta aguardar e fazer o trabalho necessário para garantir essa “awesomidade” toda.

Ano Novo

Obrigada a todos(as) que passaram por aqui, nos vemos no ano que vem (dãaar, piadjênha teen).

Beijão!!!

Deixe um comentário

Arquivado em Vida de mãe