Nascimento de bebê afeta desejo sexual de homens e mulheres

Lá, lá, lá… esse assunto é mega intimo, mas é bom ver artigos publicado sobre o tema né? Quando li esse artigo hoje no site do ClickRbs pensei: “noites mal dormidas, mudanças na rotina, o stress inicial com os cuidados de um micro baby.. acho que tudo isso está entre as causas da diminuição do desejo. Será que não tem mais desejo ou é cansaço mesmo? ” Fico feliz em saber que os homens estão dentro dessa fatia de mercado e estão assumindo que também se sentem cansados, uhuuuu!! Sinal que estão ajudando mais as mulheres, será? Bem, eu espero que sim e não posso imaginar ter um filho sem ajuda seja ela qual for. Sei que hoje tem uma mulherada independente que eu mega admiro (mãe solteira, abandonada, que escolheu ter o filho por conta própria, adoção…), mas ajuda  (babá, empregada, mãe, vó, amigas, madrinhas) é fundamental e quem já teve bebezinho sabe do que eu estou falando. Agora voltando para o assunto do artigo, o que eu realmente acho e sinto é que as vezes você teve um dia de m@###@@@ e inevitavelmente uma jornada dupla, tripla do tipo casa para arrumar, lancheira, fralda, cozinha, dirigir, trânsito, banho, jantar, trabalho e ainda queremos um micro tempinho para nos arrumar e tal e aí chega na hora do vamos ver e você pensa: Me deixa dormir, pleaseee!!

“Um novo estudo descobriu que a chegada de um recém nascido em casa não afeta apenas o desejo sexual da mãe, mas também de seu parceiro.

Estudos anteriores sobre sexo após o parto, muitas vezes focados em biologia reprodutiva do sexo feminino, mostraram que as alterações hormonais durante a gravidez e a amamentação podem afetar o desejo sexual das mães. No entanto, um estudo recente esclarece que o mesmo também está acontecendo com os parceiros dessas mulheres que acabaram de ter bebê.

A especialista em pscicologia feminina, Sari van Anders, da Universidade de Michigan, e seus colegas desenvolveram um estudo para examinar a sexualidade pós-parto como um processo social e de relacionamento, com foco nos casais.

Um total de 114 parceiros — 95 homens, 18 mulheres, um não especificado — responderam um questionário online sobre a sua sexualidade durante os três meses após o nascimento de seu filho mais novo.

Os pesquisadores descobriram que os parceiros experimentaram mudanças similares em sexualidade, incluindo altos e baixos. O baixo desejo nos parceiros foi altamente influenciado por fatores relacionados a noites mal dormidas e estresse causados pelos cuidados que um bebê recém nascido exige.

— Nossos resultados ajudam a esclarecer como a experiência de sexualidade dos pais, nas inúmeras formas que são contextualizadas com os parceiros e os relacionamentos de parentalidade — disse Sari.

Os resultados, anunciados nesta quinta-feira, foram publicados em uma edição recente do The Journal of Sexual Medicine.

Pesquisas anteriores descobriram que a natureza regula os níveis de testosterona conforme um homem se torna pai. Enquanto os homens com testosterona alto são mais propensos a encontrar uma companheira, os níveis hormonais caem quando eles se tornam pais que estão envolvidos com seus filhos. Esse estudo, conduzido por pesquisadores da Universidade de Northwestern, nos EUA, foi publicado em 2011 no períodico Proceedings of National Academy of Sciences.”

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Vida de mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s