Feriadão

Esse feriadão foi mágico (sim, eu sou naturalmente exagerada). A Alis tá demais, tá brincando como nunca antes, interagindo superbem com os meus amigos, sorrindo para estranhos, curtindo ficar com a gente e participar dos afazeres domésticos (que, vamos combinar, se multiplicam quando se tem um neném), mas o mais legal rolou ontem. Moramos numa casa, então tem grama, pedra, pássaros, água, árvore… é um pequeno pântano. Tentamos colocá-la na grama para sentir a textura e brincar e tal, mas ela teve um mini-ataque. Não forçamos a barra, deixamos a coisa acontecer no ritmo dela. Estendi uma toalha na grama e fiquei brincando com ela em cima da toalha. Em poucos minutos ela começou a brincar com uma graminha aqui, outra ali e logo já estava engatinhando por tudo e tentando colocar pedrinhas na boca. Olha, foi muito legal, tipo “momento propaganda de margarina”, sabe? A carinha dela de nojinho da grama se transformando em pura curiosidade e satisfação foi a coisa mais deliciosa do feriadão. É muito gratificante ver o desenvolvimento de um mini-ser.

Eu ficava brincando com o maridón, dizendo que essa era a iniciação da Alis como uma mulher selvagem, em contato com a natureza e com os instintos dela, seguindo o exemplo das mulheres da Clarissa Pinkola Estés. Boa semana, gentch!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Vida de mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s