Ser mãe é a melhor coisa do mundo

Eu nunca achei que seria “esse tipo de mãe”, sabe? Do tipo que fala coisas como “ser mãe é a melhor coisa do mundo”, mas olha só eu aqui dizendo justamente isso. 

É um tipo de felicidade muito diferente, muito real, meio que um milagre mesmo, sabe? E não, eu nunca achei que seria o tipo de mãe que diria isso também, e não digo “esse tipo de mãe” de forma negativa, eu só não achava que ia sentir tudo isso, entende?

Quando eu saio do trabalho fico TENSA no trajeto para casa, nervosa para encontrar a Alis, dar um suuuper abraço e enchê-la de beijos. É muita saudade, é muita vontade de participar da rotina, de amamentar, de sentir o cheiro dela. Somos bem animais nesse aspecto mesmo, né? Acho que só aprendemos isso “na marra”, parindo, abraçando, limpando muita fralda, não dormindo, vivendo as neuroses do início da vida do neném. Não é à toa que as pessoas continuam tendo filhos aos montes no mundo, é muito bom mesmo.

E comentários que eu não entendia antes, do tipo “ter um filho faz com que você queira ser uma pessoa melhor” fazem sentido agora. Eu pensava “ah, fala sério! Por que um filho faz com que você queira ser uma pessoa melhor? Você tem que querer ser uma pessoa melhor porque ser  melhor é massa demais”, mas não é bem nesse sentido. É como comer quando você sabe que tem alguém olhando, sabe? As calorias contam (haha comparação bizarra). Mas é que você pensa que o seu filho ou filha vai crescer um dia, vai ter 20, 30 anos, e vai te olhar, vai te analisar, vai te ter como exemplo de vida. Você vai querer estar em boa forma: ter uma carreira decente, uma saúde decente, ser uma pessoa bem decente, né? Não é mais só pra você, é como se você tivesse que prestar contas, mas num sentido bem positivo, motivante. Aliás, acho que a sensação é bem essa, de motivação. A preguiça vai embora, o “daqui a pouco” vai embora, entende?

Hoje olhei pro maridón e falei: “Verde, obrigada por me dar a Alis”. Afinal, it takes two to tango, e ele é um pai fenomenal.

Tô feliz, é domingo, prontofalei!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Vida de mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s